26 de dez de 2014

No dia da angústia, profetize que tudo vai bem

PREGAÇÕES
Mensagem: Pr. Aparecido
Referência Bíblica: 2 Reis 4:18-37
Texto: Elaine Lisbôa

"E ela disse: Tudo vai bem”. 2 Reis 4:23b.

No dia 5 de janeiro, a IEQ Vila Caiuba foi edificada com a palavra ministrada pelo Pr. Aparecido, que teve como referência a passagem de 2 Reis 4:18-37. O texto registra a história de uma sunamita rica, cujo marido já tinha certa idade, de modo que não era mais possível ter filhos.

Essa mulher, já havia abençoado a vida do profeta Eliseu, concedendo a ele um lugar para descanso e mantimentos. Comovido com tal gesto, Eliseu orou por ela e profetizou que, em um tempo determinado, a sua história seria mudada com a geração de uma criança. Surpresa com a profecia, ela instantaneamente duvidou, mas, passado o período exato, a mulher deu à luz a um menino.

Estando o filho já crescido, trabalhando ao lado do pai, sentiu um terrível mal-estar, de modo que foi levado até a sua mãe para se restabelecer. Entretanto, ao meio-dia, o jovem faleceu aos pés da sunamita.

Inconformada com a situação, mas prudente em seu falar, aquela mulher não contou ao marido o que havia acontecido. Apenas disse que precisava ir até Eliseu, mas que tudo ia bem.

“E disse ele: Porque vais a ele hoje? Não é lua nova, nem sábado. E ela disse: Tudo vai bem”. 2 Reis 4:23.

A mulher encontra Eliseu e, em desespero, pergunta se havia lhe pedido algum filho para, agora, ter que sofrer com a dor daquela perda. O profeta ouve a sua súplica e a acompanha até sua casa, onde encontra o jovem morto em cima da cama. Ele, então, fecha a porta do quarto, ora a Deus e se deita sobre o menino, cuja carne começa a aquecer, trazendo a vida novamente àquele corpo.

Essa história traz grandes ensinamentos para a igreja de Cristo caminhar com prudência e em confiança no Senhor. Vejamos alguns deles:

1º. Evite tomar ações precipitadas

Ao ver seu filho morto, a sunamita não saiu contando a todo mundo o seu problema ou blasfemou contra Deus. Ela apenas creu no poder de Deus, nos dando um exemplo de como ter uma vida de fé.

2º Haja corretamente

A sunamita não mediu esforços para conseguir o socorro, percorrendo cerca de 40 km para chegar até o profeta. Da mesma maneira, busque a Deus e a ajuda de pessoas que O servem para te ajudar em oração.

3º Tenha fé

Aquela mulher acreditou que, através de Eliseu, Deus restauraria seu filho. Tenha confiança de que Deus pode fazer todas as coisas. Descarte qualquer questionamento, pois o prazer do Pai é ver os seus filhos bem, de pé, com alegria. Deus é realizador de sonhos, por isso, não deixe a dúvida entrar em seu coração e nem na sua mente.

Diga que tudo vai bem, mesmo que ainda não o veja. Ainda que esteja chorando e triste por dentro, profetize a paz do Senhor sobre o seu problema e o Senhor trabalhará para cumprir a palavra liberada. Traga à existência aquilo que não está vendo. Concorde com palavras de bênçãos e de paz e não com mensagens malignas. Tenha sabedoria no falar e aprenda a confiar e depender de Deus.

4º Busque a sabedoria de Deus

A sunamita não deixou seu marido preocupado e teve respaldo naquilo que procurou. Ela correu para obter o milagre de Deus. Da mesma maneira, corra sempre para a Casa de Deus, que é o “pronto-socorro espiritual” de toda alma cansada. O Senhor certamente te honrará pelo seu esforço. Não se mostre fraco no dia da angústia, mas fique firme e confiante em Deus, pois Ele enviará a solução.

"Se te mostrares fraco no dia da angústia, é que a tua força é pequena". Provérbios 24:10.

"Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã". Salmos 30:5.

5º Vá sempre ao lugar certo

Assim como fez a sunamita, busque a presença de Deus no lugar certo. Esse lugar é a igreja, ao lado de irmãos que te amam, que andam em unidade. Deus concedeu um filho àquela mulher e ela não se conformou com a perda. Não aceite derrotas. Por mais que a luta seja difícil, Jesus possui todo o poder para te conceder a vitória. Não olhe para os teus problemas, mas para Aquele que tem poder para reverter qualquer situação. Ele tudo pode e nenhum dos seus propósitos pode ser impedido.

"Porque para Deus nada é impossível". Lucas 1:37.

"Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus propósitos pode ser impedido". Jó 42:2.

"E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito". Romanos 8:28.

A palavra final sempre pertence ao Senhor, porque Ele falou e logo tudo foi criado e formado para a Sua glória. Ele sempre te diz: “Sou Eu que te ajudo, Eu que te esforço, Eu estou contigo, por isso, não temas. Eu Sou o teu socorro, a Tua força e a Tua esperança”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário