18 de jun de 2011

Livro de Deuteronômio

CURSO TEOLÓGICO QUADRANGULAR 2º SEMESTRE
5ª Aula – Panorama Bíblico
Ministrada por: Pr. Jhonson
Data: 03.04.2011

No livro de Deuteronômio, Cristo é o verdadeiro profeta. "O SENHOR teu Deus te levantará um profeta do meio de ti, de teus irmãos, como eu; a ele ouvireis". Deuteronômio 18:15. Ele mostra as benção da obediência e a maldição da desobediência. Moisés é para os judeus que Cristo é para nós. Deuteronômio é importante, porque está o tempo todo nos lábios de Jesus em Seu ministério, um exemplo disso é no episódio da tentação no deserto.

Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.
E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome.
E, chegando-se a ele o tentador, disse:
Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães.
Ele, porém, respondendo, disse:
Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.
Então o diabo o transportou à cidade santa, e colocou-o sobre o pináculo do templo.
E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma pedra.
Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus.
Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles.
E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares.
Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás.
Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam. Mateus 4:1-11.

Resumo

Capítulos de 1 a 4 – O primeiro discurso de Moisés;

Capítulos de 5 a 26 – O segundo discurso de Moisés olhando para o alto;

Capítulos de 27 a 33 – O terceiro discurso de Moisés olhando para frente. No 27 vemos as maldições decorrentes da desobediência e no 28 as bençãos decorrente da obediência. A Bíblia sempre separa o mundo em dois lados: luz-trevas; bem-mal; bençãos-maldições. Há interpretações de que no capítulo 28:49, Deus está profetizando sobre o Nazismo. "O SENHOR levantará contra ti uma nação de longe, da extremidade da terra, que voa como a águia, nação cuja língua não entenderás".

Capítulo 34 – O enterro de Moisés.

Deuteronômio termina com Moisés profetizando, abençoando Israel e o mundo, anunciando a salvação para os gentios (“Ele ama os povos”). Moisés se tornou o exemplo maior do povo hebreu, ao ponto em que Jesus começa o Ministerio citando trechos do livro em seu primeiro confronto com Satanás e nas suas pregações. Os 5 livros de Moisés são usados como a espada do Espírito, a Palavra de Deus. Acredita-se que ele foi escrito durante os 40 anos em que o povo estava no deserto (1405 a.C).

Nenhum comentário:

Postar um comentário