23 de fev de 2012

Guarde a tua aliança de salvação

"Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa". Apocalipse 3:11.

Por Elaine Lisbôa

Todo novo convertido sabe qual a sensação de quando se tem um real encontro com Jesus, quando, finalmente, é possível compreender o grande ato de sacrifício e de amor que Cristo demonstrou pela humanidade.

Então, as nossas imperfeições aparecem, nossas inseguranças, nossos medos, angústias e solidão se tornam tão explícitas, que reconhecemos instantaneamente o quanto precisamos de Jesus, do quanto precisamos de Seu cuidado e da salvação que somente Ele pode nos proporcionar.

O convite do Espírito Santo acelera os nossos corações, a ponto de não podermos nos conter com esse amor. Erguemos nossas mãos como um ato de reconhecimento público de que aceitamos a esse Jesus Salvador, o Cordeiro de Deus que tira a sujeira de nossas vestes e que nos limpa com Seu precioso sangue, concedendo-nos a salvação pela sua graça e misericórdia.

Voltamos para nossas casas transbordando de alegria. Uma felicidade que o mundo não é capaz de entender. Tudo o que queremos é falar desse Jesus, que dá liberdade a nossa alma tão aflita e desesperada. Que transforma nosso pranto em festa! Esse Deus que nos ama intensamente, e que nos mostra o quanto somos especiais para Ele.

No entanto, meses se passam... A alegria daquele encontro começa a se enfranquecer. Os erros presentes nos irmãos passam a ser motivo de desânimo para muitos. Com o passar de mais um tempo, a fé se esfria, a luz do amor começa a esvair... Alguns chegam a pensar que está tudo bem. Que a salvação já está garantida, que basta continuar com os mesmos ritos e costumes de todos esses anos de crentes.

Não percebemos que, a partir do momento que aceitamos a Jesus, inicia-se um processo de salvação. Sabemos que não há redenção além de Cristo, mas no momento em que aceitamos a Ele e nos batizamos, nos enchemos de uma segurança que nos leva a deixar de lado a aliança de salvação.

Na passagem de Apocalipse 3 há uma promessa da vinda de Jesus, mas também há uma advertência: enquanto a profecia não se cumpre, devemos guardar aquilo que temos, para que ninguém roube a nossa coroa, que é o presente que teremos quando formos para a glória. A coroa simboliza a salvação garantida.


Existem apenas dois lugares para passarmos a eternidade

O inferno é um lugar que não foi preparado para o homem, mas sim a Satanás e seus demônios. Quando Adão desobedeceu a Deus, o pecado tirou o direito do homem de estar com o Senhor e seu destino passa ser a separação eterna do Criador: a condenação eterna.

A palavra “inferno” possui dois sentidos:

1. Morada de demônios (Sheol)
2. Habitação para quem morre sem Cristo (Hades)

O inferno é uma realidade e quem morre sem Jesus pode ser a pessoa mais benévola, o destino é o lago de fogo, pois será julgada por não ter crido no Plano da Salvação.

O inferno é uma antítese do céu. Tudo o que tem no inferno não existe no céu, e tudo o que tem no céu não existe no inferno. No céu os crentes verdadeiros andarão em ruas de ouro, mas no inferno haverá choro e ranger de dentes.

"Lançai, pois, o servo inútil nas trevas exteriores; ali haverá pranto e ranger de dentes". Mateus 25:30

No inferno a vida é consciente, o sentimento e a dor serão sentidos conscientemente. Tormento é um sofrimento enlouquecedor. Enquanto os filhos da desobediência passarão por dores, no céu Deus cessará toda a lágrima e dor de Seus amados.

Deus se faz carne para nos dar a opção de escolha. Andar com Cristo até a morte para ser salvo ou renunciar a este caminho e ser condenado.

Essa caminhada precisa ser contínua. Andar com Cristo é segui-lo, é se deixar transformar diariamente. Permitir que o Oleiro tire todas as pedras que não permitem o barro de se transformado em vaso de honra.

No entanto, inutilmente, muitos crentes estão desviados, mas encondendo-se atrás de uma falsa espiritualidade por não querer pagar o preço de seguir a Jesus.

Conforme todo pastor costuma brincar “o crente que tem certeza da sua salvação, aguarda ansiosamente a vinda de Jesus, mas o que não está bem certo, pede para que o Senhor espere mais um pouquinho”.

Mas chegará o Dia em que Ele não esperará mais e virá resgatar a verdadeira Noiva. Não deixe para se arrepender quando seu arrependimento não valer mais nada.

Como evitar o inferno

Hoje é o dia aceitável do Senhor. Garanta a sua salvação em Jesus. Não priorize as coisas desta vida, busque “primeiro o reino de Deus”. Todos os seus bens irão permanecer nesta terra, cuide com afinco de sua alma.

"Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?". Lucas 12:20.

Não se deixe seduzir pelo dinheiro e falsas alegrias deste mundo. Lute pela sua salvação. Seja uma igreja militante. Se prepare para se encontrar com o Seu Senhor. Essa vida é pequena demais quando comparada ao que nos aguarda na glória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário