3 de jan de 2012

16ª Aula de Teologia - Israel é Escravizado no Egito

Estudo realizado pelo Instituto Cristão de Pesquisas.

A família de Jacó é convidada pelo Faraó para morar na terra de Gósen (local onde José já estava morando), pois a região que a família vivia estava passando por escassez de comida. Ali todos permaneceram por um bom tempo.

Passados mais ou menos 300 anos, segundo a história, os Hicsos, que significa "reis pastores", vieram do Norte e dominaram o Egito. Eles eram de origem semita, assim como a família de Jacó. No entanto, o povo do Egito se fortaleceu e expulsou os Hicsos de suas terras.

O novo Faraó egípcio (que não conhecia a família de José) percebeu que havia um povo, que não era nativo da terra, morando em Gósen, e que estava se multiplicando com força. Ele então decide escravizar a descendência de Jacó.

Contudo, o povo de Israel não parou de crescer, então o Faraó ordena que as parteiras matem as crianças que nascerem do sexo masculino. Elas temendo a Deus não obedecem. Ao tomar conhecimento, Faraó dá uma nova ordem para que elas lançassem no rio esses meninos. Neste momento o povo, que está vivendo um período de grande afliação, clama ao Senhor e o Deus de Jacó providencia um libertador: Moisés.

Nenhum comentário:

Postar um comentário