11 de abr de 2011

Tunísia proíbe orações e manifestações religiosas nas ruas do país

EDITORIA: MISSÕES
Fonte: Notícias Gospel Prime | 08.04.2011

O Ministério do Interior da Tunísia proibiu orações nas ruas de todas cidades do país. A ordem é que as manifestações religiosas ocorram apenas nos “locais de culto” sob alegação de que comportamentos diferentes deste são “estranhos à sociedade tunisiana”. As medidas são estabelecidas depois de o país viver uma onda de protestos e a renúncia do então presidente Ben Ali acusado de corrupção e violação de direitos humanos.

“O Ministério do Interior vai deixar de autorizar, a partir de agora, a ocupação da via pública por quem cumpre as orações fora dos locais de culto”, diz o comunicado. O documento apela ainda aos pais para que “sensibilizem seus filhos no sentido de não adotarem semelhantes comportamentos e procedimentos”.

O Ministério do Interior defendeu o “respeito à lei” e informou ter recebido “numerosas queixas por telefone e carta sobre a ocupação da via pública e praças públicas pelos fiéis que acompanham a oração”.

De acordo com o ministério, essa é a origem de alguns congestionamentos e de bloqueios à livre circulação nas ruas e avenidas de várias cidades da Tunísia. Segundo as autoridades, há ameaças aos interesses dos comerciantes, funcionários e trabalhadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário